Alcione (rss)

Alcione - A Volta Da Gafieira

Notapor Roy58 » Lun 25 Mar, 2013 9:39 pm

Con permiso, ahora me retiro a ver el juego amistoso Rusia-Brasil en el estadio del Chelsea en Inglaterra...

Ya se acabó. Qué baile le pegó Rusia a Brasil. Acabó con un mentiroso 1 a 1 y el empate brasileño vino en el 45 del 2° tiempo. Esta noche le pondré una vela a San Fred y a San Marcelo pero prometo retirar la de San Neymar. Ese chico está resultando bueno sólo para el Santos!



Letra

Olha eu aí
Levantando a minha bandeira
Levantando poeira
eu sou a gafieira, bem à brasileira

Olha eu aí
Levantando a minha bandeira
E levantando poeira
eu sou a gafieira

Vejam só o meu gingado,
meu balanceado,
meu modo de dançar.

Eu sou arte,
eu sou povo,
estou aí de novo
voltei para mostrar
minha ginga, minha dança
para nossas crianças aprenderem
Pra que no futuro,
no sorriso puro me ajudem a viver

Com esse socorro
perigo eu não corro de morrer
mas se acontecer a juventude toma uma atitude
para me defender

Com esse socorro
perigo eu não corro de morrer
mas se acontecer a juventude toma uma atitude
para me defender

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
Protesto, luego existo (sin familiaridad con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7945
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1721
Gracias recibidas: 1670

Alcione - Pra Você Não Me Esquecer

Notapor Roy58 » Jue 25 Abr, 2013 11:40 pm

Imagen



Letra

Pra você não me esquecer
Nem por outra em meu lugar
Pro nosso amor não morrer
Pra solidão não entrar

Não quero me exibir
Nem prometer quinquilharias
O brilhante, a prata, o ouro
São oferendas fugidias

Não sei fazer sorrir
Logo depois, fazer chorar
Não faço diversão
Num coração que eu quero amar

A joia que eu pretendo lhe ofertar
Não se corroi
Eo amor não se transfere
Nem o tempo lhe destroi

Daí,
So a verdade ira dizer
Todos vão ver
Que eu te amo até o nosso Deus envelhecer

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
Protesto, luego existo (sin familiaridad con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7945
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1721
Gracias recibidas: 1670

Alcione - Pandeiro É Meu Nome

Notapor Roy58 » Jue 25 Abr, 2013 11:47 pm

Otro súper clásico de Alcione. Te lo aseguro!

Imagen



Letra

Falaram que meu companheiro
Meu amigo surdo parece absurdo
Apanha por tudo
Ninguém canta samba
Sem ele apanhar
Não ouviram que seu companheiro
Amigo pandeiro
Também tira coco do mesmo coqueiro
Apanha sorrindo pra povo cantar
Pandeiro
Não é absurdo mas é o meu nome
Não me chamo surdo mas aguento fome
Pandeiro não come mas pode apanhar
Ao povo que vibra na força do som brasileiro
Não é só o surdo nem só o pandeiro
Tem uma família tocando legal
Você cantando, tocando e batendo na gente
Passando por tudo tão indiferente
Não conhece a dor do instrumental
Batuqueiro ê,batuqueiro
Cantando samba pode bater no pandeiro (bis)

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
Protesto, luego existo (sin familiaridad con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7945
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1721
Gracias recibidas: 1670

Alcione - Marcas No Leito

Notapor Roy58 » Lun 16 Dic, 2013 6:02 pm

Imagen



Versión de Sombrinha AQUÍ! :flecha:

Letra

Não adianta
você chegar de beijinhos
com carinhos pra me convencer
de que vale essa vida a dois
se entre nós
não existe mais prazer
não quero mais
te fazer sofrer
insistir no mal
pra viver a sós
se o amor foi demais pra nós

De que vale iludir
o meu peito
se há marcas no leito
da decepção
não pretendo ficar remoendo
com a vida morrendo no coração

De que vale iludir
o meu peito
se há marcas no leito
da decepção
não pretendo ficar remoendo
com a vida morrendo no coração

(repete tudo)

Não pretendo ficar remoendo
com a vida morrendo no coração
"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
Protesto, luego existo (sin familiaridad con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7945
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1721
Gracias recibidas: 1670

Alcione - Menino Sem Juízo (1979)

Notapor Roy58 » Mié 18 Dic, 2013 11:38 pm

Esta canción formó parte de la banda sonora de la novela de Rede Gobo Chega Mais

Imagen



Letra

Sabe
meu menino sem juízo
eu já aprendi a te aceitar assim

Já me acostumei a perdoar você
e já nem sei porque
seu mal faz bem pra mim

Chega, mal me beija e vai embora,
sabe Deus a hora que você vai voltar
Juro que na volta, já não me encontra mais
mas logo volto atrás
meu mundo é seu

E vá se procurar
vá se desamar
que as esquinas da vida
te fazem voltar

E quanto à minha dor
não se importe, amor
já se fez minha amiga
me dói devagar
(se repite todo)


Obs: tema trasladado a partir del espacio abierto el 1 de agosto del 2012 en favor de la confección del Índice
"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
Protesto, luego existo (sin familiaridad con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7945
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1721
Gracias recibidas: 1670

Alcione & Jorge Aragão - Enredo Do Meu Samba (ao vivo)

Notapor Roy58 » Jue 19 Dic, 2013 12:40 am

En el tema destinado a Jorge Aragão podrás encontrar fácilmente el video de esta canción



Versión de Jorge Aragão & Sandra Sá AQUÍ! :flecha:

Letra

Não entendi o enredo
Desse samba amor
Já desfilei na passarela do teu
Coração
Gastei a subvenção
Do amor que você me entregou
Passei pro segundo grupo e com razão
Passei pro segundo grupo e com razão (Não entendi)
Meu coração carnavalesco
Não foi mais que um adereço
Teve um dez em fantasia
Mas perdeu em harmonia
Sei que atravessei um mar
De alegorias
Desclassifiquei o amor de tantas alegrias
Agora sei
Desfilei sob aplausos da ilusão
E hoje tenho esse samba de amor, por comissão
Findo o carnaval
Nas cinzas pude perceber
Na apuração perdi você

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
Protesto, luego existo (sin familiaridad con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7945
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1721
Gracias recibidas: 1670

Alcione - Corpo Fechado (ao vivo)

Notapor Roy58 » Vie 20 Dic, 2013 7:20 pm



Letra

Ajoelhei no congá pra te esquecer
Acendi vela pra Deus me iluminar
Fui na Bahia fazer um canjerê
Num cortejo de fé andei no mar

Nem te conto as bocadas que zuei
Com tanta promessa de dor pra cumprir
Entre umas e outras eu fumei
Me entoquei, num cafofo em Acari

Na cachoeira de noite, me banhei
Pra lavar teu perfume barato, que ficou
Nem sei mais quantas bocas beijei
Em quantas madrugas molhei meu cobertor

Ainda bem que vovó saravô
Ainda bem que vovó saravô
Minha vó é show de bola
Aprendeu lá em Angola
Encontrou meu corpo aberto e fechou

Ainda bem que vovó saravô
Ainda bem que vovó saravô
Minha vó é show de bola
Aprendeu lá em Angola
Encontrou meu corpo aberto e fechou

Não tô mais na tua cola
Tirei meu pé da argola
Não tem caô
"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
Protesto, luego existo (sin familiaridad con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7945
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1721
Gracias recibidas: 1670

Alcione & Terra Samba - Samba Da Minha Terra (ao vivo)

Notapor Roy58 » Sab 28 Dic, 2013 9:10 pm

Composición: Dorival Caymmi



Versión de João Gilberto AQUÍ! :flecha:

Versiones de Walter Wanderley AQUÍ! :flecha:

Versión de Tamba Trio AQUÍ! :flecha:

Versión de Daniela Mercury (medley) AQUÍ! :flecha:

Versión de Bossacucanova & Zuco 103 AQUÍ! :flecha:

Letra

O samba da minha terra
deixa a gente mole
Quando se canta
todo mundo bole
Quando se canta
todo mundo bole
(bis)

Quem não gosta de samba
bom sujeito não é
É ruim da cabeça
ou doente do pé.

Eu nasci com o samba
no samba me criei
E do danado do samba
nunca me separei.

O samba da minha terra
deixa a gente mole
Quando se canta
todo mundo bole
Quando se canta
todo mundo bole.

Quem não gosta de samba
bom sujeito não é
É ruim da cabeça
ou doente do pé.

Eu nasci com o samba
no samba me criei
E do danado do samba
nunca me separei.

O samba da minha terra
deixa a gente mole
Quando se canta
todo mundo bole
Quando se canta
todo mundo bole

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
Protesto, luego existo (sin familiaridad con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7945
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1721
Gracias recibidas: 1670

Alcione - A Loba (ao vivo)

Notapor Roy58 » Vie 10 Oct, 2014 1:47 am





Letra

Sou doce, dengosa, polida
Fiel como um cão
Sou capaz de te dar
Minha vida

Mas olha
Não pise na bola
Se pular a cerca
Eu detono
Comigo não rola

Sou de me entregar
De corpo e alma na paixão
Mas não tente nunca
Enganar meu coração
Amor pra mim
Só vale assim
Sem precisar pedir perdão

Adoro sua mão atrevida
Seu toque, seu simples olhar
Já me deixa despida
Mas saiba que eu
Não sou boba
Debaixo da pele de gata
Eu escondo uma loba

Quando estou amando
Eu sou mulher de um homem só
Desço do meu salto
Faço o que te der prazer
Mas, oh! meu rei
A minha lei
Você tem que saber

Sou mulher de te deixar
Se você me trair
E arranjar um novo amor
Só pra me distrair

Me balança mas não me destrói
Porque chumbo trocado não dói
Eu não como na mão
De quem brinca
Com a minha emoção

Sou mulher capaz de tudo
Pra te ver feliz
Mas também sou de cortar
O mal pela raiz

Não divido você com ninguém
Não nasci pra viver num harém
Não me deixe saber
Ou será bem melhor prá você
Me esquecer

Adoro sua mão atrevida
Seu toque, seu simples olhar
Já me deixa despida
Mas saiba que eu
Não sou boba
Debaixo da pele de gata
Eu escondo uma loba

Quando estou amando
Eu sou mulher de um homem só
Desço do meu salto
Faço o que te der prazer
Mas, oh! meu rei
A minha lei
Você tem que saber

Sou mulher de te deixar
Se você me trair
E arranjar um novo amor
Só pra me distrair

Me balança mas não me destrói
Porque chumbo trocado não dói
Eu não como na mão
De quem brinca
Com a minha emoção

Sou mulher capaz de tudo
Pra te ver feliz
Mas também sou de cortar
O mal pela raiz

Não divido você com ninguém
Não nasci pra viver num harém
Não me deixe saber
Ou será bem melhor prá você

Sou mulher capaz de tudo
Pra te ver feliz
Mas também sou de cortar
O mal pela raiz

Não divido você com ninguém
Não nasci pra viver num harém
Não me deixe saber
Ou será bem melhor prá você
Me esquecer
"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
Protesto, luego existo (sin familiaridad con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7945
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1721
Gracias recibidas: 1670

Alcione - Gosto Mais De Você Do Que De Mim (1992)

Notapor Roy58 » Mar 10 Nov, 2015 11:54 pm

Composición: Martinho Da Vila/ Jovane Ferreira

Imagen



Letra

Gosto mais de você do que de mim
Eu gosto mais
De você do que de mim
Eu quero é mais continuar vivendo assim
Eu quero é mais continuar vivendo assim

Sexta-feira pro pagode
Encontrar os meus amigos
Você nunca quer que eu vá
Você chora, você briga
Não me deixa explicar
Não me deixa nem falar
Quando eu conto a minha estória
Nunca é satisfatória
Diz que vai me abandonar
Meu amor, não faz assim
Meu amor, não faz assim
Gosto mais de você do que de mim

Gosto mais de você do que de mim
(refrão)

Quando chego tarde em casa
Você está sempre acordado
Não se cansa de esperar
Olho para trás, vou me vendo
Lá no pagode bebendo
Com alguém particular (É o meu particular)

Mas a minha intenção
Não é lhe deixar na mão
Você pode acreditar
Seu amor é o meu castigo
Vou perder os meus amigos
Mas viver sempre a cantar
Gosto mais de você do que de mim

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
Protesto, luego existo (sin familiaridad con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7945
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1721
Gracias recibidas: 1670

Alcione - Nossa Rainha (1992)

Notapor Roy58 » Mié 11 Nov, 2015 12:08 am

Composición: Nei Lopes



Letra

Uê lê uê lê uê lê lê lê
Uê lê lê Uê lá lá
Uê lê uê lê uê lê lê lê
Uê lê lê Uê lá lá

Maria, vê se te ajeita
Passa uma escova nesse cabelo
Senão tu vai ser eleita
Nossa rainha do desmazelo
Te espalha, pula muralha, joga no lixo
Esse avental
Mulher é igual toalha
Bem enxutinha é que é legal

Uê lê uê lê...

Esfrega uma pedra pome nesse calcanhar
Tão requenguela
Que você não é sinuca
Pra andar caindo pelas tabelas
Mas quando estiver bonita
Não mostre nada além da canela
Mulher é igual a retrato
só no escurinho é que se revela

Uê lê uê lê...

Depois diz pro teu cumpadre
Que com jeitinho e com mais cautela
Mulher nunca foi pandeiro
Pra batuqueiro batucar nela
Manda ele tomar tenência
E juízo naquela cara larga
Mulher é igual a mandioca
Se bater nela, ela fica amarga

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
Protesto, luego existo (sin familiaridad con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7945
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1721
Gracias recibidas: 1670

Alcione - Cordão Carnavalesco

Notapor Roy58 » Dom 07 Feb, 2016 8:37 pm

Composición: Chiquinha Gonzaga

De los MUY antiguos carnavales...!




Letra

Chega pertinho, puxa a fieira
Vamos ao vinho sem bebedeira

Forma direito, entra de mão
Engata, jeito, segue o cordão

A feijoada leva toucinho
Tem picadinho, bacalhoada

Toques de pinha, carne ensopada
Goles de vinho, peixe e rabada

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
Protesto, luego existo (sin familiaridad con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7945
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1721
Gracias recibidas: 1670

Alcione - Fla x Flu (ao vivo)

Notapor Roy58 » Mar 06 Dic, 2016 3:50 am

Composición: Arlindo Cruz/ Franco



Letra

Abri Meu Domingo numa cerva lá no bar do Edú
Tira gosto de moela pra lembrar da minha dor
Eu pensava na Guiomar para ser o meu meia amador
Nosso amor era um Maracanã em dia de Fla X Flu
Pra começar me dava bola o tempo todo sem parar
Me deixava louco para cruzar
toma lá dá cá
Matava no peito, descia pra coxa, tocava no meio voleio e gol
O jogo só podia empatar
Pois é

Tava muito mais para urubu do que pra pó de arroz
Tava 2X2, mas no final você me atrasou
Convocando a linha burra
Me parou, me derrubou
Foi dizendo que a "Guiõ"
Comigo sempre pichotou
Ai eu ti fiz de juiz, apontei teu nariz e xinguei tua mãe
O coro da turma da geral atenta repetiu
Te peguei de primeira te dando rasteira
Rachei só pra dividir
A galera gritou Uf!
É foi só porrada, foi só garrafada
A arquibancada ficou à Bangu
Acabei em cana num Fla X Flu
Pois é

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
Protesto, luego existo (sin familiaridad con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7945
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1721
Gracias recibidas: 1670

Re: Alcione

Notapor xoav » Jue 23 Feb, 2017 4:04 am

Si no es porque me hiciste referencia de ella, me hubiera tardado un rato en entrar a este hilo... definitivamente tengo que hacer caso a tus recomendaciones... me estaba perdiendo de esos duetos con Bethania y esa Sufoco ha sido maravilloso conocerla...

MIZPAH!!!
ImagenCCES EN FACEBOOK



Nosotros es el pronombre que más me gusta; porque ahí cabemos Yo, Tú, Él, Ustedes y Ellos. German Dehesa.
Avatar de Usuario
xoav
Administrador
 
Mensajes: 11171
Registrado: Mié 26 Nov, 2008 4:58 am
Ubicación: Monterrey, México
Gracias dadas: 793
Gracias recibidas: 1395

Re: Alcione

Notapor Roy58 » Dom 26 Feb, 2017 2:46 am

xoav escribió:Si no es porque me hiciste referencia de ella, me hubiera tardado un rato en entrar a este hilo... definitivamente tengo que hacer caso a tus recomendaciones... me estaba perdiendo de esos duetos con Bethania y esa Sufoco ha sido maravilloso conocerla...

MIZPAH!!!


La inmensa mayoría de los cantantes y bandas que he ido agregando a lo largo de estos años Armando, los conocí cuando vivía allá. De todos ellos, escuché sus éxitos tanto en radio como en la televisión destacando aquellas canciones "justo cuando eran estrenadas y ocupaban algún lugar en los hit parades brasileños" y que hoy sólo son para mí hermosas canciones que a veces ligo a no menos hermosos recuerdos.

Cuando sintonizo Rede Globo, rara vez invitan a alguna de esas figuras consagradas a sus programas de entretenimiento. Quizá sea porque sus personas sean "franquicia" de algunos canales de televisión (especulación mía) pero lo dudo. Y me duele porque Chico Buarque, Gal Costa, Maria Bethânia y otras mega leyendas vivas merecen tener alguna vigencia en la televisión contemporánea, más allá de que hace mucho tiempo no son los chicos que yo conocí. Así mismo son Alcione y otros artistas menos conocidos todavía fuera de Brasil.
"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
Protesto, luego existo (sin familiaridad con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7945
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1721
Gracias recibidas: 1670

Anterior

Volver a BRASIL

¿Quién está conectado?

Usuarios navegando por este Foro: No hay usuarios registrados visitando el Foro y 3 invitados