Gilberto Gil (rss)

Gilberto Gil - Não Chore Mais (1979)

Notapor Roy58 » Sab 14 Mar, 2015 1:56 am

Gilberto Gil - Não Chore Mais (No Woman, No Cry) (1979)



Letra

No Woman, No Cry
No Woman, No Cry
No Woman, No Cry
No Woman, No Cry

Bem que eu me lembro
Da gente sentado ali
Na grama do aterro, sob o sol
Ob-observando hipócritas
Disfarçados, rondando ao redor

Amigos presos
Amigos sumindo assim
Pra nunca mais
Tais recordações
Retratos do mal em si
Melhor é deixar pra trás

Não, não chore mais
Não, não chore mais
Oh! Oh!
Não, não chore mais
Oh! Oh! Oh! Oh! Oh!
Não, não chore mais
Hê! Hê!

Bem que eu me lembro
Da gente sentado ali
Na grama do aterro, sob o céu
Ob-observando estrelas
Junto à fogueirinha de papel

Quentar o frio
Requentar o pão
E comer com você
Os pés, de manhã, pisar o chão
Eu sei a barra de viver

Mas, se Deus quiser!
Tudo, tudo, tudo vai dar pé
Tudo, tudo, tudo vai dar pé
Tudo, tudo, tudo vai dar pé
Tudo, tudo, tudo vai dar pé
Tudo, tudo, tudo vai dar pé
Tudo, tudo, tudo vai dar pé

No Woman, No Cry
No Woman, No Cry
No Woman, No Cry
Uh! Uh! Uh!

Não, não chore mais
Menina não chore assim!
Não, não chore mais
Oh! Oh! Oh!
No Woman, No Cry
No Woman, No Cry
Não, não chore mais
Não chore assim
Não, não chore mais
Hê! Hê!

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
¡Protesto, luego existo! (sin familiaridad alguna con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7978
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1723
Gracias recibidas: 1670

Gilberto Gil - Emoriô (1979)

Notapor Roy58 » Sab 14 Mar, 2015 7:39 pm

Gilberto Gil & Jorge Ben & Sérgio Mendes - Emoriô (1979)

De no haberlo conocido, no sabrías que éste era el look de Gilberto Gil en los 70's; tal como lo conocí. Aparece luego después de la apertura de la canción por Jorge Ben


(subido por yemanja50)

Versión de João Donato AQUÍ! :flecha:

Versión de Sérgio Mendes & Brasil '77 AQUÍ! :flecha:

Letra

Ê-emoriô
ê-emoriô
emoripaô

Emoriô deve ser
uma palavra nagô
uma palavra de amor
um paladar

Emoriô deve ser
alguma coisa de lá
o sol, a lua, o céu
pra Oxalá

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
¡Protesto, luego existo! (sin familiaridad alguna con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7978
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1723
Gracias recibidas: 1670

Gilberto Gil - Eu Só Quero Um Xodó (1977)

Notapor Roy58 » Vie 25 Mar, 2016 6:25 am

Composición: Dominguinhos



Letra

Que falta eu sinto de um bem
Que falta me faz um xodó
Mas como eu não tenho ninguém
Eu levo a vida assim tão só...

Eu só quero um amor
Que acabe o meu sofrer
Um xodó pra mim
Do meu jeito assim
Que alegre o meu viver

Que falta eu sinto de um bem
Que falta me faz um xodó
Mas como eu não tenho ninguém
Eu levo a vida assim tão só...

Eu só quero um amor
Que acabe o meu sofrer
Um xodó pra mim
Do meu jeito assim
Que alegre o meu viver

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
¡Protesto, luego existo! (sin familiaridad alguna con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7978
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1723
Gracias recibidas: 1670

Gilberto Gil - Andar Com Fé (1982)

Notapor Roy58 » Vie 25 Mar, 2016 6:44 am

Composición: Gilberto Gil

Imagen



Letra

Andá com fé eu vou
Que a fé não costuma faiá
Que a fé tá na mulher
A fé tá na cobra coral
Oh! Oh!
Num pedaço de pão

A fé tá na maré
Na lâmina de um punhal
Oh! Oh!
Na luz, na escuridão
Andá com fé eu vou
Que a fé não costuma faiá
Olêlê!
Andá com fé eu vou
Que a fé não costuma faiá
Olálá!

Andá com fé eu vou
Que a fé não costuma faiá
Oh Minina!
Andá com fé eu vou
Que a fé não costuma faiá

A fé tá na manhã
A fé tá no anoitecer
Oh! Oh!
No calor do verão

A fé tá viva e sã
A fé também tá prá morrer
Oh! Oh!
Triste na solidão

Andá com fé eu vou
Que a fé não costuma faiá
Oh Minina!
Andá com fé eu vou
Que a fé não costuma faiá

Andá com fé eu vou
Que a fé não costuma faiá
Olálá!
Andá com fé eu vou
Que a fé não costuma faiá

Certo ou errado até
A fé vai onde quer que eu vá
Oh! Oh!
A pé ou de avião

Mesmo a quem não tem fé
A fé costuma acompanhar
Oh! Oh!
Pelo sim, pelo não

Andá com fé eu vou
Que a fé não costuma faiá
Olêlê!
Andá com fé eu vou
Que a fé não costuma faiá
Olálá!

Andá com fé eu vou
Que a fé não costuma faiá
Andá com fé eu vou
Que a fé não costuma faiá

Olêlê, vamos lá!

Andá com fé eu vou
Que a fé não costuma faiá

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
¡Protesto, luego existo! (sin familiaridad alguna con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7978
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1723
Gracias recibidas: 1670

Gilberto Gil - Qui Nem Jiló/ Expresso 2222 (2010)

Notapor Roy58 » Dom 07 Ago, 2016 2:37 am

Composición: Luiz Gonzaga/ Humberto Teixeira

Tengo tanta rabia de Goear, la suprema porquería de la red que, la fiesta y la alegría que sienten los brasileños por ocasión del inicio de sus olimpiadas, no me la va a empañar mediocre algún; obviamente, ni siquiera Goear (cómo quisiera que alguno de los inútiles que trabaja para tamaño fiasco me leyera).
Voy a mostrarte una música del género baião del que Luiz Gonzaga fue proclamado su rey. Este es un género de música muy característico del nordeste brasileño, muy festivo y alegre, acorde con momentos como los que se vive en Brasil en estos precisos momentos...




Versión de Luiz Gonzaga (Que Nem Jiló) AQUÍ! :flecha:

Versión de Marina Elali (Qui Nem Jiló) AQUÍ! :flecha:

Qui Nem Jiló

Se a gente lembrar só por
Lembrar
De alguém que algum dia a gente
Perdeu

Saudade inté que assim é bom
Pro cabra se convencer
Que é feliz sem saber
Pois não sofreu

Porém se a gente vive a sonhar
Com alguém que se deseja
Rever
Saudade intonce aí é ruim

Eu tiro isso por mim
Que vivo doido a sofrer
Ai quem me dera voltar
Pros braços do meu xodó

Saudade assim faz roer
E amarga que nem jiló
Mas ninguém pode dizer
Que me viu triste a chorar

Saudade, o meu remédio é
Cantar
Saudade, o meu remédio é
Cantar


Expresso 2222

Começou a circular o Expresso 2222
Que parte direto de Bonsucesso pra depois
Começou a circular o Expresso 2222
Da Central do Brasil
Que parte direto de Bonsucesso
Pra depois do ano 2000
Dizem que tem muita gente de agora
Se adiantando, partindo pra lá
Pra 2001 e 2 e tempo afora
Até onde essa estrada do tempo vai dar
Do tempo vai dar
Do tempo vai dar, menina, do tempo vai
Segundo quem já andou no Expresso
Lá pelo ano 2000 fica a tal
Estação final do percurso-vida
Na terra-mãe concebida
De vento, de fogo, de água e sal
De água e sal, de água e sal
Ô, menina, de água e sal
(bis)
Dizem que parece o bonde do morro
Do Corcovado daqui
Só que não se pega e entra e senta e anda
O trilho é feito um brilho que não tem fim, diga
Oi, que não tem fim
Que não tem fim
Ô, menina, que não tem fim
Nunca se chega no Cristo concreto
De matéria ou qualquer coisa real
Depois de 2001 e 2 e tempo afora
O Cristo é como quem foi visto subindo ao céu
Subindo ao céu
Num véu de nuvem brilhante subindo ao céu

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
¡Protesto, luego existo! (sin familiaridad alguna con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7978
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1723
Gracias recibidas: 1670

Gilberto Gil - Isso Aqui, O Que É? (2016)

Notapor Roy58 » Lun 08 Ago, 2016 2:13 am

Gilberto Gil & Anitta & Caetano Veloso - Isso Aqui, o que É? (2016)

Composición: Ary Barroso

La apertura de los juegos olímpicos de Río 2016 fue gloriosa y ellos aportaron su grano de talento al brillo tamaño de este espectáculo inolvidable!

Coloco esta canción en el tema Gilberto Gil en honor particular a él que una semana antes estaba hospitalizado por causa de la insuficiencia renal que padece...


Tomado de Luces: Dos leyendas vivas de la canción brasileña, Caetano Veloso y Gilberto Gil y el estruendo de la samba de las escuelas de samba del Carnaval pusieron el colofón a la fiesta musical de inauguración de los Juegos Olímpicos.

Caetano y Gilberto, acompañados de la cantante Anitta, interpretaron uno de los mayores clásicos de la samba "Isso Aqui, o que É?", justo después de los discursos, la inauguración de los Juegos y los juramentos de los atletas.

A continuación, las doce escuelas de samba dieron rienda suelta al ritmo frenético de la percusión que caldea todos los años el Carnaval y que puso en pie al público e hizo bailar a algunas delegaciones de deportistas, en especial a la brasileña.

Mientras, cientos de bailarines disfrazados convirtieron el Maracaná en una suerte de "sambódromo", aunque la famosa pasarela de la samba durante los Juegos ha sido convertida en la sede del tiro con arco y en la meta del maratón. El colofón de la fiesta se produjo justo antes de la llegada de la llama olímpica al estadio.



(Subido por Aline Forde)

Letra

Isto aqui, ô ô
É um pouquinho de Brasil iá iá
Deste Brasil que canta e é feliz,
Feliz, feliz,

É também um pouco de uma raça
Que não tem medo de fumaça ai, ai
E não se entrega não

Olha o jeito nas 'cadeira' que ela sabe dar
Olha só o remelexo que ela sabe dar (Repete)

Morena boa, que me faz penar,
Bota a sandália de prata
E vem pro samba sambar

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
¡Protesto, luego existo! (sin familiaridad alguna con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7978
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1723
Gracias recibidas: 1670

Anterior

Volver a BRASIL

¿Quién está conectado?

Usuarios navegando por este Foro: No hay usuarios registrados visitando el Foro y 7 invitados