Djavan (rss)

Djavan - Não É Um Bolero (2015)

Notapor Roy58 » Dom 08 Nov, 2015 8:10 pm

Composición: Djavan

Imagen



Letra

Eu não digo que não:
Ela é bela e fera,
Mas não pondera
E me deixa doidinho
Quando eu penso que sim,
Ela dá de ombro
E eu me escombro
Sozinho
Se com ela há muito mais luar,
Por que viver
Dias sombrios?
Eu não posso me distanciar
E me perder
Dos seus carinhos
Você é demais...
Muito mais pra mim...
Não é um bolero
É amor sincero
Que a tudo resiste
Não a ter do lado
Me deixa abalado
E nada é mais triste
A vida é à toa
Não fica de boa
Quem não tem um querer
Eu tenho de tudo
Mas me falta tudo
Se eu não tenho você

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7890
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1712
Gracias recibidas: 1659

Djavan - Sim Ou Não (1980)

Notapor Roy58 » Dom 15 Nov, 2015 7:28 pm

Composición: Djavan



Versión de Rosa Passos AQUÍ! :flecha:

Letra

Um dia preciso ir
Na casa da solidão
Só pra saber
Se o que sofri
Dá pra beber
Outra paixão

Em mim
O amor se fez
Do jeito
Que se inventou
Toda razão
Perde o seu fim
Se um coração
For o juiz
Vai redimir
O medo de amar

Saudade
Enquanto
O amor ferir
E o pranto
A dor sarar
Não digo não
Nem dou o sim
Deixo
O meu coração
Chorar por mim

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7890
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1712
Gracias recibidas: 1659

Djavan - Sabe Você (1983)

Notapor Roy58 » Sab 21 Nov, 2015 7:05 pm

Composición: Carlos Lyra/ Vinícius De Moraes

Imagen



Versión de Carlos Lyra AQUÍ! :flecha:

Versión de Os Cariocas AQUÍ! :flecha:

Versión de Leila Pinheiro AQUÍ! :flecha:

Letra

Você é muito mais do que eu sou
Está bem mais rico do que eu estou
Mas o que eu sei você não sabe
E antes que o seu poder acabe
Eu vou contar como e por quê
Eu sei, eu sei mais que você
Sabe você o que é o amor
Não sabe, eu sei
Sabe o que é um trovador
Não sabe, eu sei
Sabe andar de madrugada
tendo a amada pela mão
Sabe gostar, qual, sabe nada
Sabe não
Você sabe o que é uma flor
Não sabe, eu sei
Você já chorou de dor
Pois eu chorei
Já chorei de mal de amor
Já chorei de compaixão
Quanto a você meu camarada
Qual o que
Não sabe não
E é por isso que eu lhe digo
E com razão
Que mais vale ser mendigo
Que ladrão
Sei que um dia há de chegar
E isso seja como for
Em que você pra mendigar
Só mesmo o amor
Você pode ser ladrão

Quanto quiser
Mas não rouba o coração
De uma mulher
Nunca fez uma canção
Por isso a minha poesia

Ah, ah, você não rouba não
Ah, ah, você não rouba não
Ah, ah, você não rouba não

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7890
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1712
Gracias recibidas: 1659

Djavan - Depois Do Natal (2013)

Notapor Roy58 » Dom 27 Dic, 2015 7:10 pm

:Nav2:

Composición: João Donato

Imagen



Letra

Seja assim como és
E eu te amarei sempre mais
Chega o dia que a gente entende
Que o amor teve um ponto final
O Natal já chegou de repente
Sem presente nenhum para dar
Nosso sonho feliz que se foi
A brincar como duas crianças
E querer um brinquedo
Esperanças
Tudo foi
Já passou
Mas eu quero o Natal novamente
Tudo festa e alegria geral
Com você ao meu lado presente
O meu sonho, meu mundo ideal
Meu presente será como sempre
Eu queria e sonhava afinal
O presente é você, meu Natal

Nosso sonho feliz que se foi
A brincar como duas crianças
E querer um brinquedo
Esperanças
Tudo foi
Já passou
Mas eu quero o Natal novamente
Tudo festa e alegria geral
Com você ao meu lado presente
O meu sonho, meu mundo ideal
Meu presente será como sempre
Eu queria e sonhava afinal
O presente é você, meu Natal

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7890
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1712
Gracias recibidas: 1659

Djavan - Um Amor Puro (1999)

Notapor Roy58 » Sab 12 Mar, 2016 3:57 am

Composición: Djavan


(Subido por DjavanVEVO)

Versión de Ivete Sangalo AQUÍ! :flecha:

Letra

O que há dentro do meu coração
Eu tenho guardado pra te dar
E todas as horas que o tempo
Tem pra me conceder
São tuas até morrer

E a tua história, eu não sei
Mas me diga só o que for bom
Um amor tão puro que ainda nem sabe
A força que tem
É teu e demais ninguém

Te adoro em tudo, tudo, tudo
Quero mais que tudo, tudo, tudo
Te amar sem limites
Viver uma grande história

Aqui ou noutro lugar
Que pode ser feio ou bonito
Se nós estivermos juntos
Haverá um céu azul

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7890
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1712
Gracias recibidas: 1659

Djavan - Lilás (1984)

Notapor Roy58 » Jue 02 Jun, 2016 3:01 pm

Composición: Djavan

Imagen



Versión de Paulo Ricardo AQUÍ! :flecha:

Letra

Amanhã, outro dia
Lua sai, ventania
Abraça uma nuvem que passa no ar
Beija, brinca e deixa passar
E no ar de outro dia
Meu olhar surgia
Nas pontas de estrelas perdidas no mar
Pra chover de emoção, trovejar

Raio se libertou, clareou muito mais
Se encantou pela cor lilás
Prata na luz do amor
Céu azul

Eu quero ver o pôr do sol
Lindo como ele só
E gente pra ver, e viajar
No seu mar de raio

Eu quero ver o pôr do sol
Lindo como ele só
E gente pra ver, e viajar
No seu mar de raio

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7890
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1712
Gracias recibidas: 1659

Anterior

Volver a BRASIL

¿Quién está conectado?

Usuarios navegando por este Foro: No hay usuarios registrados visitando el Foro y 4 invitados