Roberto Carlos (en portugués) (rss)

Roberto Carlos - Aquele Beijo Que Eu Te Dei (1965/ 2006)

Notapor Roy58 » Vie 18 Dic, 2015 12:07 am

Composición: Edson Ribeiro

Versión original importada de otro hilo. Decía:
"Primero la versión original, la de 1965! Luego, un minuto de un precioso recuerdo de los 60. Lo interpretó "Ao vivo" en el especial de fin de año del 2006. Este año su especial será el próximo 23 de diciembre de 2013."


Imagen


(Versión 1965)


(Versión 2006)

Letra

Aquele beijo que te dei
Nunca, nunca mais esquecerei
A noite linda de luar
Lua testemunha tão vulgar
Lembro de você
E fico triste
Até me dá vontade de chorar
De lembrar que o amor
Não mais existe
Não mais existe
Mas eu sempre
Hei de te amar
Ou, ou aquele beijo
Nunca mais esquecerei
O beijo que te dei

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
¡Protesto, luego existo! (sin familiaridad alguna con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7987
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1724
Gracias recibidas: 1671

Roberto Carlos & Ludmilla - Medley (2015)

Notapor Roy58 » Jue 24 Dic, 2015 4:33 pm

Anoche 23, Rede Globo presentó el Especial de Roberto Carlos 2015. No lo sentí tan poderoso como el de otros años pero siempre se acaba disfrutando. Una asistente de esa noche grabó bastante bien al rey con una de sus invitadas, la funkeira Ludmilla en las canciones "Hoje" (Hoy) y "Café Da Manhã" (Desayuno).


(Subido por CAMBADA TTs y roberto carlos pra sempre)

Versión de Ludmilla (Hoje) AQUÍ! :flecha:
"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
¡Protesto, luego existo! (sin familiaridad alguna con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7987
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1724
Gracias recibidas: 1671

Roberto Carlos - O Homem Bom (1996)

Notapor Roy58 » Jue 24 Dic, 2015 5:20 pm

Composición: Paulo Sete/ Clayton Querido

Imagen



Letra

Vai como um vento solto numa campina
Desliza na relva verde
E vai subindo pela colina
Todas as folhas secas
Viram tapete aqui neste chão
Nos pés desse homem bom
Que só tem amor no seu coração
Vê outra madrugada que vem chegando
Fala com os passarinhos
Brinca com as flores vai meditando
Ele é um mensageiro
Da alegria e jamais da dor
Quer a felicidade da humanidade
Seja onde for
Ele é uma pessoa
Que ama e perdoa e não vê a quem
Anda pelos caminhos
Levando a paz ajudando alguém
Por todos os lugares
Cruzando os mares fazendo o bem
Ele é um homem bom
Distribui amor e tudo o que tem
Cheio de amor e fé ele é o nosso irmão
Aquele grande amigo
Que no perigo estende a mão
Tem no olhar a calma
Tem luz na alma e na sua voz
Tem sempre uma palavra
De amor a paz prá dizer prá nós
Sabe tudo o que diz o livro sagrado
E tudo o que ele ensina
Em seu coração ele tem guardado
Quem sabe o nome dele
Se é Pedro ou Paulo ou se é João
Só sei que é um homem bom
Porque tem Jesus no seu coração
Ele é uma pessoa
Que ama e perdoa e não vê a quem
Anda pelos caminhos
Levando a paz ajudando alguém
Por todos os lugares
Cruzando os mares fazendo o bem
Ele é um homem bom
Distribui amor e tudo o que tem

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
¡Protesto, luego existo! (sin familiaridad alguna con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7987
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1724
Gracias recibidas: 1671

Roberto Carlos - Símbolo Sexual (1985)

Notapor Roy58 » Vie 01 Ene, 2016 9:32 pm

Composición: Roberto Carlos

Vaya, pensé que ya la había subido. Pero nunca es tarde y así como a Roberto le gusta finalizar cada año con uno de sus magníficos "Especiais de Fim de Ano", a mí me gusta comenzarlos con algo de él! Por aquello de la cábala y del buen augurio...


Imagen



Versión en español (Símbolo Sexual) AQUÍ! :flecha:

Letra

Meu bem não ligue
Tudo isso é normal
Mulher bonita a gente sempre vê no jornal
fazendo poses, bicos, caras e bocas etc, e tal
Cabelo pop, punk rock é um toque
de capa de revista ou de televisão
mas você sabe bem o que faz
pra me chamar a atenção
Você tem tudo nesse jeito provocante
e sensual
Tudo o que se espera da mulher ideal
Porque você meu bem
É um símbolo sexual
E no verão o bronzeado é geral
e tanto, que não cabe na medida atual
Eu me amarro em seu short e o decote
Em tudo seu afinal
Então você se chega mais e me abraça
Me beija e no seu beijo sinto tudo que é bom
Eu te pego e me entrego e me esfrego
todo no seu baton
Você tem tudo nesse jeito provocante
e sensual

Tudo o que se espera da mulher ideal
Porque você meu bem é meu símbolo sexual
Sex - Sex - Sex - Sexual
Sex - Sex - Sex - Sexual
Meu bem você é mesmo meu símbolo sexual
Você me fala tanta coisa bonita
Me acaricia, me provoca, me agita

Depois me olha com esse jeito e me faz
chegar mais perto
Eu chego perto demais
Sex - Sex - Sex - Sexual
Sex - Sex - Sex - Sexual

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
¡Protesto, luego existo! (sin familiaridad alguna con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7987
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1724
Gracias recibidas: 1671

Roberto Carlos - As Flores Do Jardim Da Nossa Casa (1969)

Notapor Roy58 » Sab 05 Mar, 2016 5:07 am

Composición: Roberto Carlos/ Erasmo Carlos

Imagen



Versión en español (Las Flores Del Jardín De Nuestra Casa) AQUÍ! :flecha:

Letra

As flores do jardim da nossa casa
Morreram todas de saudade de você
E as rosas que cobriam nossa estrada
Perderam a vontade de viver
Eu já não posso mais
Olhar nosso jardim
Lá não existem flores
Tudo morreu pra mim
Não, não, não, não posso mais
Olhar nosso jardim
Lá não existem flores
Tudo morreu pra mim

As coisas que eram nossas se acabaram
Tristeza e solidão é o que restou
As luzes das estrelas se apagaram
E o inverno da saudade começou

As nuvens brancas escureceram
E o nosso céu azul se transformou
O vento carregou todas as flores
E em nós a tempestade desabou

Eu já não posso mais
Olhar nosso jardim
Lá não existem flores
Tudo morreu pra mim
Não, não, não, não posso mais
Olhar nosso jardim
Lá não existem flores
Tudo morreu pra mim
Mas não faz mal
Depois que a chuva cair
Outro jardim um dia
Há de reflorir

Eu já não posso mais
Olhar nosso jardim
Lá não existem flores
Tudo morreu pra mim
Não, não, não, não, não posso mais
Não posso mais
Olhar nosso jardim
Lá não existem flores
Tudo morreu pra mim

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
¡Protesto, luego existo! (sin familiaridad alguna con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7987
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1724
Gracias recibidas: 1671

Roberto Carlos - O Tempo Vai Apagar (1968)

Notapor Roy58 » Sab 12 Mar, 2016 6:12 am

Composición: Paulo César Barros/ Getúlio Cortes

Imagen



Versión en español (El Tiempo Borrará) AQUÍ! :flecha:

Letra

Sempre quando eu venho aqui
Só escuto de você
Frases tão vazias
Que pretendem dizer
Que já não preciso mais
Seu carinho procurar
Que não adiantará
Pedir, nem ficar

Se assim for seu desejo
Não vejo motivo pra contestar
Não sofrerei, pois bem sei, isso passa
E o tempo vai apagar

Só, só levo comigo
A certeza que você
Muito mais que eu terá
Que esperar pra esquecer

Que, que já não preciso mais
Seu carinho procurar
Que não adiantará
Pedir, nem ficar

Se assim for seu desejo
Não vejo motivo pra contestar
Não sofrerei, pois bem sei, isso passa
E o tempo vai apagar

Só, só levo comigo
A certeza que você
Muito mais que eu terá
Que esperar pra esquecer

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
¡Protesto, luego existo! (sin familiaridad alguna con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7987
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1724
Gracias recibidas: 1671

Roberto Carlos - Eu Estou Apaixonado Por Você (1966)

Notapor Roy58 » Dom 13 Mar, 2016 9:30 pm

Composición: Roberto Carlos/ Erasmo Carlos

Imagen



Versión de Roupa Nova AQUÍ! :flecha:

Letra

Nessa minha vida agitada
já não tenho mais tempo pra nada
Já nem posso mais pensar no amor
mas veja só que mesmo assim

Eu estou apaixonado por você.
E nem mesmo tenho jeito
de falar do meu amor

Que é grande sim
que é tudo enfim
que existe em mim
Eu estou apaixonado

Eu estou apaixonado por você
e não posso mais ficar
distante assim do seu carinho

E sei porque
tudo que eu faço
penso em você
É que eu estou apaixonado

Fico esperando um minutinho
mesmo que seja
só pra ganhar um beijinho, rapidamente
e depressa dizer
que eu estou apaixonado
que eu estou apaixonado

É que eu estou apaixonado!

Fico esperando um minutinho
mesmo que seja
só pra ganhar um beijinho, rapidamente
e depressa dizer
que eu estou apaixonado
que eu estou apaixonado
que eu estou apaixonado,
que eu estou apaixonado.

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
¡Protesto, luego existo! (sin familiaridad alguna con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7987
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1724
Gracias recibidas: 1671

Roberto Carlos - Brotinho Sem Juízo (1960)

Notapor Roy58 » Dom 13 Mar, 2016 10:22 pm

Composición: Carlos Imperial

Confeccionando el índice, me deparé ante un hecho interesante: Roberto grabó muy pocas canciones que comenzaron con la letra "B". Con excepción de sus canciones en inglés, en consecuencia, pós Jovem Guarda, todas las otras son de este período "primigênio" en la carrera artística del Rey, incluidas canciones con géneros muy diferentes al rock n' roll cuando estaba aún lejos de definir su estilo. De ahí que el ritmo de ésta, sea un sambinha. Y para no quedar mal con el abecedario, subimos esta canción con "B", aún cuando es más bien para coleccionistas.
La palabra "brotinho" significa literalmente pequeño brote (de flor) pero que en el argot popular de esa época temprana de los 60s, usaban la palabra para referirse a las jóvenes, en especial las bonitas.

Mira otros títulos de su repertorio que inician con la letra B, en orden alfabético:
Baby, Meu Bem (mono, 1963)
Breakfast (Cafe Da Manhã)
Brotinho Sem Juizo (1960)
Broto Do Jacaré (1964)
Brucutu (Alley-Oop) (1965)
Buttons On Your Blouse (Os Seus Botões)


Imagen



Letra

Brotinho toma juízo
Ouve o meu conselho
Abotoa esse decote
Vê se cobre esse joelho
Pára de me chamar
De meu amor
Senão eu perco a razão
Esqueço até quem eu sou

Brotinho não me aperte
Quando comigo dançar
Tira a mão de meu pescoço
Não tente seu rosto colar

Pára de beliscar a minha orelha
Porque se o sangue subir
Eu faço o que me dá na telha

E você vai se dar mal
Vai, vai haver um carnaval

Brotinho não custa nada
Um pouquinho esperar
Um dia com véu e grinalda
Certinha você vai casar

Então você vai me agradecer
Porque eu fui tão bobinho com você

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
¡Protesto, luego existo! (sin familiaridad alguna con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7987
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1724
Gracias recibidas: 1671

Roberto Carlos - Como É Grande O Meu Amor Por Você (1967)

Notapor Roy58 » Dom 13 Mar, 2016 10:34 pm

Composición: Roberto Carlos

En mayo de 2013 escribía en el primer hilo donde la publiqué, lo siguiente:
"La he subido a este hilo a pesar de la poca o ninguna receptividad, para demostrar la gran diferencia de la versión original del disco "Em Ritmo de Aventura" con su versión de 1996. Además, posteé una presentación en vivo de 2007 con la linda Camila Pitanga, presentadora de TV, cantante y actriz brasileña."
La rescato de un sitio donde ni siquiera un comentario, mucho menos un gesto de gratitud recibía la música de Roberto cuando la publicaba este tu servidor. Venga pa'cá pues mijita donde la palabra indolencia no existe; puesto que aquí sí te aprecio todos los días mi querida! Basta buscar en el Índice y hacerte click!


Imagen



Versión de Roberto Carlos en español (Cómo Es Grande Mi Amor Por Ti) AQUÍ! :flecha:

Versión de Roberto Carlos (portugués 1996) AQUÍ! :flecha:

Letra

Eu tenho tanto,
pra lhe falar
mas con palavras,
não sei dizer.
Como é grande,
o meu amor por você

E não há nada,
pra comparar
para poder
lhe explicar
Como é grande
o meu amor por você

Nem mesmo o céu
nem as estrelas,
nem mesmo o mar
nem o infinito
não é maior
que o meu amor
nem mais bonito

Me desespero
a procurar
alguma forma de lhe falar
Como é grande
o meu amor por você

Nunca se esqueca
nem um segundo
que eu tenho o amor
major do mundo
Como é grande
o meu amor por você

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
¡Protesto, luego existo! (sin familiaridad alguna con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7987
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1724
Gracias recibidas: 1671

Roberto Carlos - Nada Tenho A Perder (1969)

Notapor Roy58 » Dom 13 Mar, 2016 11:35 pm

Composición: Getulio Côrtes

Cualquier día de 2013 decía:
"Un amigo del grupo de chat de la radio brasileña "O Tunel Do Tempo" AQUÍ! :flecha: le solicitó a mi buen amigo Sevira, esta canción.
No tengo la menor duda de que Sevira lo complacerá en su próximo programa del domingo a las 7:00 pm pero no he querido dar un paso al costado si también puedo complacerlo en este foro, dondequiera que me encuentre!
Gracias por todo el cariño mi carísimo amigo Sevira!!!"


Imagen



Letra

Sei que não devia nem queria lhe deixar outra vez porque
Perdi a coragem que eu tinha
Para dizer adeus e agora quero crer
Que não poderia esconder
Que jamais esqueci você
Mas hoje seu silêncio me revelou
que já não me pertence o seu amor.
Eu senti que é inútil ficar
Por isso eu vou seguindo
Esperando encontrar
Alguém pra mim sorrindo
Nada tenho a dizer se você quer que seja assim
Longe daqui não pretendo chorar
Vou reagir, não preciso mudar
Quero viver, nada tenho a perder, meu bem

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
¡Protesto, luego existo! (sin familiaridad alguna con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7987
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1724
Gracias recibidas: 1671

Roberto Carlos - Sonho Lindo (1968)

Notapor Roy58 » Dom 13 Mar, 2016 11:43 pm

Composición: Mauricio Duboc/ Carlos Colla

Traída de otro hilo donde fue posteada el 5 de julio del 2014 y... acertaste! También pasó totalmente ignorada, desapercibida.... qué pecado con esta belleza! Y bueno, tanta indiferencia, tanto abandono le trajo como consecuencia una cariñosa reubicaión :hello:


Imagen



Versión de Roberto Carlos (español) AQUÍ! :flecha:

Versión de Tânia Mara AQUÍ! :flecha:

Letra

Sonho lindo que se foi
Esperança que esqueci
Foi por medo de perder
Que eu perdi
Tanto eu tinha prá dizer
Tanta coisa eu calei
Foi por medo de sofrer
Que eu sofri
Foi pensando em me guardar
E querendo não querer
Me dizendo prá esquecer
Foi pensando só em mim
Que eu pensei só em você
Foi tentando me afastar
Foi negando o meu amor
Foi por não querer amar
Que eu amei você
"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
¡Protesto, luego existo! (sin familiaridad alguna con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7987
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1724
Gracias recibidas: 1671

Roberto Carlos - Quando (1967)

Notapor Roy58 » Lun 14 Mar, 2016 12:01 am

Composición: Roberto Carlos

También del disco "RC Em Ritmo De Aventura"




Letra

Quando você se separou de mim
Quase que minha vida teve um fim
Sofri, chorei tanto que nem sei
Tudo que chorei por você, por você oh, oh, oh
Quando você se separou de mim
Eu pensei que ia até morrer lutei tanto pra esquecer
Tudo que passei com você, com você, com você
Mesmo assim ainda eu não vou dizer que já te esqueci
Se alguém vier me perguntar
O mesmo sei que vou falar
Eu posso até dizer ninguém te amou tanto quanto eu te amei
Mas você não mereceu
O amor que eu te dei oh, oh, oh
Quando você se separou de mim
Quase que minha vida teve um fim

Que um dia eu te amei que sofri, que chorei
Eu te amei, que chorei
Mesmo assim ainda eu não vou dizer que já te esqueci
Se alguém vier me perguntar
O mesmo sei que vou falar

Eu posso até dizer ninguém te amou tanto quanto eu te amei
Mas você não mereceu
O amor que eu te dei oh, oh, oh
Quando você se separou de mim
Quase que minha vida teve um fim
Agora eu nem quero lembrar
Que o que avel te amei que sofri, que chorei

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
¡Protesto, luego existo! (sin familiaridad alguna con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7987
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1724
Gracias recibidas: 1671

Roberto Carlos - Por Motivo De Força Maior (1976)

Notapor Roy58 » Lun 14 Mar, 2016 12:28 am

Composição: Getúlio Cortês

Yo mismo me sorprendo todo el tiempo. Pensé que ésta ya la había subido!


Imagen



Versión en español (Por Motivo De Fuerza Mayor) AQUÍ! :flecha:

Letra

Então, cheguei sozinho e quis rever a nossa casa.
O desalinho dos cabelos disfarçei
O muro mal pintado, algumas flores escondidas,
Degraus empoeirados, a varanda esquecida,
No meio de uma sala um tapete
No fim do corredor a porta do nosso quarto
Que guardava antigas frases e atitudes inseguras
Todos os erros, os nossos gestos incontidos
Seus apuros e segredos.
Depois de tanto tempo, eu lhe encontro se escondendo
Atrás de frases repetidas, pra justificar
A sua decisão de separar as nossas vidas.
Por isso acomodei, sem ter razão pra contornar.
Você se fez senhora,somente por respeito
E por escrito, mas fica o dito por não dito,
E as suas mágoas eu respeito,
Mas não aceito o argumento de que agora se arrepende
E por motivo de força maior, é melhor partir
(refrão)
Se alguém me acompanha,deve saber
Que às vezes só ganha quem sabe perder

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
¡Protesto, luego existo! (sin familiaridad alguna con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7987
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1724
Gracias recibidas: 1671

Roberto Carlos - Do Outro Lado Da Cidade (1969)

Notapor Roy58 » Mar 15 Mar, 2016 2:25 am

Composición: Helena dos Santos

Importada del espacio abierto el día 27 de diciembre de 2013. La falta de un método básico de organización como lo es el índice hizo que esta canción también quedara escondida entre muchas páginas, sin ningún aprecio... Pero aquí estás ahora, querida!


Imagen



Versión en español (Ciudad) AQUÍ! :flecha:

Versión de Teresa Cristina e Os Outros AQUÍ! :flecha:

Letra

A cidade agora
Do outro lado tem
Alguém que vive sem saber
Que eu vivo aqui também
Se esse alguém soubesse
Que eu estou morando
Desse lado da cidade
Estou lhe procurando

Do outro lado da cidade
Eu sei que a felicidade está
Ainda vou saber exatamente
Onde ela vive e vou pra lá

Desse lado da cidade não tem sol
E tudo é muito triste
Porque a alegria que havia
Em minha rua não existe

Eu vou mudar pro outro lado da cidade
Pra melhor lhe procurar
E só vou parar de andar pela cidade
Quando lhe encontrar, lhe encontrar

A cidade agora
Do outro lado tem
Alguém que vive sem saber
Que eu vivo aqui também

Se esse alguém soubesse
Que eu estou morando
Desse lado da cidade
Estou lhe procurando

Desse lado da cidade não tem sol
E tudo é muito triste
Porque a alegria que havia
Em minha rua não existe

Vou me mudar pro outro lado da cidade
Pra poder lhe procurar
E só vou parar de andar pela cidade
Quando lhe encontrar, lhe encontrar

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
¡Protesto, luego existo! (sin familiaridad alguna con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7987
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1724
Gracias recibidas: 1671

Roberto Carlos - Esqueça (Forget Him) (1966)

Notapor Roy58 » Mar 15 Mar, 2016 2:38 am

Composición: Mark Anthony (versión: Roberto C. Real)

Cover del éxito de Bobby Rydell de 1963 y Gary Lewis & The Playboys en 1966




Letra

Esqueça se ele não te ama
Esqueça se ele não te quer
Não chore mais não sofra assim
Porque posso te dar amor sem fim
Ele não pensa em querer-te
Te faz sofrer e até chora
Não chore mais vem pra mim, vem
Não sofra, não pense
Não chore mais meu bem

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
¡Protesto, luego existo! (sin familiaridad alguna con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7987
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1724
Gracias recibidas: 1671

AnteriorSiguiente

Volver a BRASIL

¿Quién está conectado?

Usuarios navegando por este Foro: No hay usuarios registrados visitando el Foro y 2 invitados