Leila Pinheiro (rss)

Leila Pinheiro - Ame (2000)

Notapor Roy58 » Sab 21 May, 2016 4:36 am

Composición: Elton Medeiros/ Paulinho da Viola


(Subido por abaixinhabraga)

Versión de Paulinho Da Viola AQUÍ! :flecha:

Letra

Ame
Seja como for
Sem medo de sofrer
Pintou desilusão
Não tenha medo não
O tempo poderá lhe dizer

Que tudo
Traz alguma dor
E o bem de revelar
Que tal felicidade
Sempre tão fugaz
A gente tem que conquistar

Por que se negar
Com tanto querer
Por que não se dar
Por quê? Por que recusar
A luz em você
Deixar pra depois
Chorar pra quê?

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
Protesto, luego existo (sin familiaridad con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7935
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1721
Gracias recibidas: 1669

Leila Pinheiro - Medley MPB-Sambas Antigos

Notapor Roy58 » Sab 21 May, 2016 4:58 am

Leila Pinheiro - Loucuras De Uma Paixão/ Você Passa Eu Acho Graça/ Eu Agora Sou Feliz/ Tomara/ Tocando Em Frente

Composición: Mauro Diniz - Carlos Imperial/ Ataulfo Alves - Jamelão - Vinícius De Moraes - Almir Sater/ Renato Teixeira


(Subido por sharkmar2008)

Versión de Jorge Aragão (Loucuras De Uma Paixão) AQUÍ! :flecha:

Versión de Jorge Aragão & Ivete Sangalo (Loucuras De Uma Paixão) AQUÍ! :flecha:

Versión de Clara Nunes (Você Passa Eu Acho Graça) AQUÍ! :flecha:

Versión de Noite Ilustrada & Cássia Ellers (Você Passa Eu Acho Graça) AQUÍ! :flecha:

Versión de Teresa Cristina e Grupo Semente (Você Passa Eu Acho Graça) AQUÍ! :flecha:

Versión de Roberta Sá (Você Passa Eu Acho Graça) AQUÍ! :flecha:

Versión de Martinho Da Vila (Você Passa Eu Acho Graça) AQUÍ! :flecha:

Versión de Virgínia Rosa (Você Passa Eu Acho Graça) AQUÍ! :flecha:

Versión en español de José Luis Rodríguez (Você Passa Eu Acho Graça) AQUÍ! :flecha:

Versión de Roda De Samba em Mangueira (Eu Agora Sou Feliz) AQUÍ! :flecha:

Versión de Toquinho & Vinicius & Maria Creuza (Tomara) AQUÍ! :flecha:

Versión de Miúcha & Bebel Gilberto (Tomara) AQUÍ! :flecha:

Versión de Maria Creuza (Tomara) AQUÍ! :flecha:

Versión de Paula Morelenbaum (Tomara) AQUÍ! :flecha:

Versión de Paula Fernandes (Tocando Em Frente) AQUÍ! :flecha:

Loucuras De Uma Paixão

Sem lhe conhecer
Senti uma vontade louca de querer você
Nem sempre se entende as loucuras de uma paixão
Tem jeito não
Olha pra mim
Faz tempo que meu coração não bate assim
Não faz assim, me diz seu nome
Não me negue a vontade de sonhar
De sonhar os meus sonhos com você
Despertando pro seu adormecer
Seria bom demais
Que bem me faz, você


Você Passa Eu Acho Graça

Quis você pra meu amor
E você não entendeu
Quis fazer você a flor
De um jardim somente meu
Quis lhe dar toda ternura
Que havia dentro em mim
Você foi a criatura
que me fez tão triste assim

Oh, e agora, você passa,
eu acho graça
Nessa vida tudo passa
E você também passou
Entre as flores, você era a mais bela
Minha rosa amarela
Que desfolhou, perdeu a cor
perdeu a cor!


Eu Agora Sou Feliz

Eu agora sou feliz
Eu agora vivo em paz
Me abandone por favor
Eu já tenho um novo amor
E eu não te quero mais
(bis)

Esquece que você já me pertenceu
Que já foi você meu querido amor
Aquela velha amizade nossa já morreu
E agora quem não quer você sou eu
Eu agora sou feliz


Tomara

Tomara
Que você volte depressa
Que você não se despeça
Nunca mais do meu carinho
E chore, se arrependa
E pense muito
Que é melhor se sofrer junto
Que viver feliz sozinho

Tomara
Que a tristeza te convença
Que a saudade não compensa
E que a ausência não dá paz
E o verdadeiro amor de quem se ama
Tece a mesma antiga trama
Que não se desfaz

E a coisa mais divina
Que há no mundo
É viver cada segundo
Como nunca mais


Tocando Em Frente

Ando devagar porque já tive pressa
E levo esse sorriso porque já chorei demais
Hoje me sinto mais forte, mais feliz quem sabe
Só levo a certeza de que muito pouco eu sei, que nada sei..

Conhecer as manhas e as manhãs
O sabor das massas e das maçãs
É preciso amor pra poder pulsar
É preciso paz pra poder seguir
É preciso a chuva pra florir

Sinto que seguir a vida seja simplesmente
Conhecer a marcha, ir tocando em frente
Como um velho boiadeiro
Levando a boiada eu vou tocando os dias
Pela longa estrada eu vou, estrada eu sou

Conhecer as manhas e as manhãs
O sabor das massas e das maçãs
É preciso amor pra poder pulsar
É preciso paz pra poder seguir
É preciso a chuva pra florir

Todo mundo ama um dia, todo mundo chora
Um dia a gente chega no outro vai embora
Cada um de nós compõe a sua própria história
Cada ser em si carrega o dom de ser capaz,
de ser feliz, de ser feliz
"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
Protesto, luego existo (sin familiaridad con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7935
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1721
Gracias recibidas: 1669

Leila Pinheiro - Você Em Minha Vida (2001)

Notapor Roy58 » Jue 02 Jun, 2016 4:48 am

Composición: Roberto Carlos


(Subido por Richard Bezerra)

Versión de Roberto Carlos en español (Tú En Mi Vida) AQUÍ! :flecha:

Versión de Roberto Carlos en portugués AQUÍ! :flecha:

Letra

Você foi a melhor coisa que eu tive
Mas o pior também em minha vida
Você foi o amanhecer cheio de luz e de calor
Em compensação o anoitecer, a tempestade e a dor
Você foi o meu sorriso de chegada
E a minha lágrima de adeus
Aquele grande amor que nós tivemos,
E todas as loucuras que fizemos,
Foi o sonho mais bonito que um dia alguém sonhou
E a realidade triste quando tudo se acabou
Você foi o meu sorriso de chegada
Tudo e nada e adeus

Você me mostrou o amanhecer de um lindo dia
Me fez feliz, me fez viver
Num mundo cheio de amor e de alegria
E me deixou no anoitecer

E agora todas as coisas do passado
Não passam de recordações presentes
De momentos que por muito tempo ainda vão estar
Na alegria ou na tristeza
Toda vez que eu me lembrar
Que você foi o meu sorriso de chegada
E a minha lágrima de adeus

Você me mostrou o amanhecer de um lindo dia
Me fez feliz, me fez viver
Num mundo cheio de amor e de alegria
E me deixou no anoitecer

Você me mostrou o amanhecer de um lindo dia
Me fez feliz, me fez viver
Num mundo cheio de amor e de alegria
E me deixou no anoitecer

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
Protesto, luego existo (sin familiaridad con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7935
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1721
Gracias recibidas: 1669

Leila Pinheiro - Coisa Feita (2012)

Notapor Roy58 » Lun 13 Jun, 2016 10:41 pm

Composición: João Bosco/ Aldir Blanc


(Subido por abaixinhabraga)

Versión de João Bosco AQUÍ! :flecha:

Versión de Trio Esperança AQUÍ! :flecha:

Letra

Sou bem mulher de pegar macho pelo pé
Reencarnação da Princesa do Daomé
Eu sou marfim, lá das Minas do Salomão
Me esparramo em mim, lua cheia sobre o carvão
Um mulherão, balangadãs, cerâmica e sisal
Língua assim, a conta certa entre a baunilha e o sal
Fogão de lenha, garrafa de areia colorida
Pedra-sabão, peneira e água boa de moringa
Sou de arrancar couro

De farejar ouro
Princesa do Daomé
Sou coisa feita, se o malandro se aconchegar
Vai morrer na esteira, maré sonsa de Paquetá
Sou coisa benta, se provar do meu aluá
Bebe o pólo norte, bem tirado do samovar
Neguinho assim, ó, já escreveu atrás do caminhão

A mulher que não se esquece é lá do Daomé
Faço mandinga, fecho os caminhos com as cinzas
Deixo biruta, lelé da cuca, zuretão ranzinza
Pra não ficar bobo,
Melhor fugir logo
Sou de pegar pelo pé
Sou avatar vodu,
Sou de botar fogo
Princesa do Daomé
"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
Protesto, luego existo (sin familiaridad con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7935
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1721
Gracias recibidas: 1669

Leila Pinheiro - Esconjuro (1991)

Notapor Roy58 » Sab 20 Ago, 2016 10:22 pm

Composición: Aldir Blanc/ Guinga

Imagen



Letra

A zonza da cigarra no oco do cajueiro, erê
Bota um bemol na clave do verão
Quem diz uma palavra com sentido verdadeiro, erê
Que traga o som-paisagem pra canção
Falei alarido, palavra de vidro
Quebrada na voz, ô ô
Palavra raiada
Mais estilhaçada que o caso entre nós
O amor, quando jura
A gente esconjura, pois não vai render, ô ô
Já fiz uma figa
Talvez eu consiga parar de sofrer
Parar de sofrer

Diabo de vigário
Urubu no campanário
Só fala de pecado no sermão
Quem diz uma palavra com sentido de mistério, erê
Que ponha um sortilégio na canção
Falei prostituta
Palavra de fruta manchando lençóis, ô ô
Palavra encarnada
E mais machucada que o caso entre nós
O amor, quando jura
A gente esconjura, pois não vai render, ô ô
Um galho de arruda
Madrinha, me ajuda a parar de sofrer
Parar de sofrer, ô ô ô

Ternura e pirraça
Desgraça e ventura
A gente costura dois a dois
É feito esse riso que escorre em meu choro
Gozando depois, ô ô

Cabocla sem vestido
No chicote do marido, erê
Moída de pancada, sem razão
Quem diz uma palavra de sentido milagreiro, erê
Que mude essa injustiça na canção

Falei liberdade
Palavra de muitos
Que se aprende a sós, ô ô
Que custa tão caro
Que eu nem comparo ao caso entre nós
O amor, quando jura
A gente esconjura, pois não vai render, ô ô
Um pé de coelho
Pra mim, bom conselho é parar de sofrer
Parar de sofrer

O corpo da princesa
Na raiz da mandioca, erê
Coloca a realeza rente ao chão
A moda sertaneja na viola carioca, erê
Traz o Brasil de volta pra canção
Traz o Brasil de volta pra canção
Traz o Brasil de volta pra canção

"¡El hombre se hace viejo muy rápido pero se hace sabio demasiado tarde!"
Protesto, luego existo (sin familiaridad con Descartes)
Avatar de Usuario
Roy58
Moderador
 
Mensajes: 7935
Registrado: Mié 14 Feb, 2007 10:58 pm
Ubicación: Puente del Mundo, Corazón del Universo
Gracias dadas: 1721
Gracias recibidas: 1669

Anterior

Volver a BRASIL

¿Quién está conectado?

Usuarios navegando por este Foro: No hay usuarios registrados visitando el Foro y 3 invitados